terça-feira, 17 de abril de 2018

PSD. Rio disponível para "todos os acordos estruturais de que Portugal precise"

O sonho de Marcelo, que das cinzas renasça o bloco ps(d)cds. Mas no essencial eles já se iam entendendo, dentro da leopardina máxima de que é preciso que mude o acessório (com o beneplácito do PCP, Bloco e PEV, para que o essencial e estruturante se mantenha, (com os entendimentos entre PS/PSD com o apadrinhamento do PR)
Líder do PSD remete mais declarações para quarta-feira, quando assinar com o…
PUBLICO.PT

Trumpíadas

Ah Trump,da escola de Temer, esse grande democrata aliado de Teresa e Macron ! O Putin, esse não comunista é que come criancinhas ao pequeno almoço, viola as mulheres e dá uma injecção atrás da orelha à "peste grisalha".
O "neo-liberalismo", o fascismo encoberto e a crise insolúvel do capitalismo ? Ora, ora. Todos são ditadores, menos Bush's, Obamas, Trump's, os impolutos defensores da Paz, dos Direitos Humanos e da Humanidade!.

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Reportagem SIC: Sócrates, “O Confronto”

1. - Acidentalmente deparei-me com esta "Grande Reportagem" de alguém que se tinha remetido inexplicavelmente ao mesmo grande silêncio de personagens como o banqueiro Ricardo Salgado ou os Administradores da desmantelada PT, Bava e Granadeiro, sem esquecer Vara e muitos outros.
Resolvi vê-la desde o início e considero de facto que pode interpretar-se como uma gigantesca operação de manipulação, em que Sócrates impunemente fala grosso e de modo intimidatório com o Procurador da República - o que não está ao alcance de qualquer simples mortal - passando-se a ideia de que a última palavra é de Sócrates, perante quem os investigadores nada provam, atolados em mentiras e falsidades, apesar de no fim e de raspão se referirem as acusações de que é alvo na Operação Marquês, com mais arguidos, o principal dos quais é o banqueiro Ricardo Espírito Santo, todos eles, à excepção da antigo 1º Ministro, em prudente e recatado silêncio.
Mas tão ou mais interessante que a prestação de Sócrates, é a mímica gestual dos dois advogados de defesa que o ladeiam, que de vez em quando mas sem sucesso, tentam moderá-lo ou lhe passariam informação que ignora.
Depois das quebras do segredo de justiça cujos autores se desconhecem mas permitem a´Sócrates apresentar-se como vítima duma perseguição política - só lhe falta apresentar-se como preso político, impossibilitado de conhecer Peniche, Caxias, Aljube, S. Pedro da Barra, Angra do Heroísmo, Machava, S. Nicolau ou Tarrafal - esta gigantesca peça de teatro transmitida pela SIC e SIC Notícias em horário nobre.
EM TEMPO - até à transição definitiva em julgado, esgotados todos os recursos, vigora para Sócrates ou qualquer arguido, mais ou menos poderoso, o princípio da presunção da inocência. Naturalmente que Sócrates o não ignora, apesar das suas "dramáticas" prestações..

2. -Aquilo foi uma gigantesca, seleccionada e seccionada operação de copy & paste para fazer surgir Sócrates como um "político" perseguido por uma troupe de gente que segundo ele é manhosa, mentirosa,, incompetente e trapaceira. 

Falasse qualquer de nós com aquele tom intimidatório, acintoso e provocatório a um juiz e receberíamos logo voz de prisão por desrespeito à magistratura. Mas se tal sucedesse a Sócrates,logo teríamos outra sócretina telenarrativa comunicacional ?



O processo da Operação Marquês é a investigação judicial mais importante da democracia portuguesa. Há seis meses, José Sócrates e outros 27 arguidos foram formalmente acusados por suspeitas de corrupção, fraude fiscal e branqueamento…
EXPRESSO.SAPO.PT


VER TAMBÉM

***
CASO JOSÉ SÓCRATES

Sócrates. "Isto foi uma manha sua, sr. procurador"


https://observador.pt/2018/04/16/a-ira-de-socrates-nos-interrogatorios-isto-foi-uma-manha-sua-sr-procurador/

Russos e sírios atrasam entrada de peritos de armas químicas em Douma

Victor Nogueira
  Setúbal 
Uma das perguntas nos romances e seriados policiais é "a quem interessa" ou "quem beneficia do crime"? Qual o interesse do Trio Superman/John Bull/Obelix no ataque à Síria, prévio às "inspecções" da dita "Comissão", sempre a tentar a dar a volta por cima com papas e bolos, a exemplo da pavloviana fábula do lobo e do cordeiro encenada por Goebbels em português chão ? Se a Rússia e a Síria, ao contrário da Troika, derrotaram o DAESH -esse monstro que saiu (?) das mãos do feiticeiro - e pediram a investigação e a Troika bombardeou previamente, uma vez mais à margem da ONU e ao arrepio do TPI, porquê esta saga das "papas e bolos" ? Caramba, a URSS e o "comunismo" já não implodiram no passado milénio? Ou Putin é um "malvado" comunista encoberto ? Papas e bolos do "Ocidente"?

  1. ana cristina
      Lisboa et Orbi
    ou talvez confusão mental por engolir demasiada propaganda?

  2. Caetano Brandão
     MATOSINHOS 
    Putin não é de todo comunista, isso é uma ofensa aos verdadeiros comunistas. Putin é fascista é criminoso mesmo. Papas e bolos não tem nada aver com esta realidade que pleos vistos não o incomodam: milhares de mortos, hospitais e cidades arrasadas sem dó nem piedade por quem competia defende-los.

  3. Nem mais. Depois de admitido pelo próprio general Jonathan Shaw (antigo responsável militar pelas tropas britânicas no Iraque) e pelo general Vogel, da CENTCOM, que o exército árabe sírio tem a guerra ganha, e depois acordada a rendição dos jihadistas salafitas do exército do Islão de Douma, não é que o saguinário do Assad lança um ataque com armas químicas só para se divertir?

  4. O ISIS é aliado do Bashar al Assad

Russos e sírios atrasam entrada de peritos de armas químicas em Douma

Inspectores da Organização para a Proibição de Armas Químicas deveriam ter chegado no sábado. A nova data prevista é quarta-feira.

quinta-feira, 5 de abril de 2018

o pobre b.b.

da indigência. por defender o monumento aos anti-fascistas . chamam-me skin e fascista.(a confusão que não vai naqueles cabecinhas 'pensadoras') . fica um poema. combate kamarades. honra aos heróis. honremos os combatentes que, tanto sofrendo, derrotaram o fascismo.

'destas cidades ficará o que as atravessou: o vento!
a casa alegra o comedor que em seguida a esvazia.
sabemos bem que somos passageiros,

e o que depois virá não é coisa de valia.'
b. brecht. o pobre b.b
.'

Victor Barroso Nogueira Mas alguma vez não estivemos pelo menos desde a "Geração Perdida", os "loucos" anos 20 e o "crash" de 1929 ?

Ricardo Jorge Mateus Pina mas vê victor. a imensa tristeza do brecht ao perceber que as gerações vindouras (os jovens) seriam fascistas. adivinhou a imensa noite que a humanidade sofreu.
Gerir


GostoMostrar mais reações
Responder13 min



Victor Barroso Nogueira Também houve e continua a haver jovens na "resistência" e no combate por "outros amanhãs" ,


Mas no movimento fascista não estiveram apenas os jovens. Embora no cinema haja cenas em dois filmes que me "calafriam"

Uma é em Cabaret, de Bob Fosse, onde apenas o velho operário resiste à onda







Victor Barroso Nogueira Outra é em Casablanca, de Michael Curtiz


quinta-feira, 29 de março de 2018

Pergunta Rui Tavares: Pode um progressista defender Putin?

Rui Tavares, a voz credível, independente? Rui Tavares, o homem isento, desinteressado e livre? Vale a pena comentar RT no Público on-line? Deve levar-se Rui Tavares, o "historiador", a sério, como comentador credível para quem defenda a Paz, a Natureza e o futuro da Humanidade? São Trump, Theresa May, Macron, Merkel, Rajoy, Benjamin Netanyahu, Salman bin Abdulaziz Al Saud e toda a palefrenália adjacente do chamado mundo livre e "ocidental", começando nos EUA e continuando pela "União" Europeia sem esquecer o Médio-Oriente, a Goldman Sachs, a Saudi Aramco, a Exxon/Mobil, a Royal Dutch Shell, a Chevron e a BP mais os petro-dólares e similares, no passado e no presente, impolutos anjinh@s rechonchudinh@s de asinhas brancas, estrénu@s "não-ditadores", indefectíveis "democratas" dos quatro costados, incansáveis defensores dos direitos humanos, do Direito Internacional e da Paz entre os Povos? Que faz escorrer com tanta livre liberalidade o impoluto Rui Tavares? Talvez imitando Pavlov efabule como Goebbels ao estilo do lobo e do cordeiro. Ora façam o frete de ler o livre artigo de opinião

Não há regra do direito internacional a que Putin jure fidelidade que não tenha sido por ele descaradamente violada.

Há uma lei informal do jornalismo — conhecida por Lei de Betteridge, a partir do nome do jornalista de tecnologia que primeiro a sugeriu — que diz o seguinte: a resposta a qualquer título de um artigo de jornal que termine com uma pergunta é “não”. “Será esta bebida de espargos a cura para o cancro?” (resposta: não). “Será esta foto a prova de que Elvis está vivo?” (resposta: não). E por aí adiante.
PUBLICO.PT

terça-feira, 27 de março de 2018

Carta a D. Duarte Pio


Victor Nogueira
  Setúbal 
Tantas linhas para dar voz, mão e palco a uma causa inexistente ? Mas a descendência do autocrata e absolutista Miguel não foi pelos liberais e parlamentaristas banida de direito à sucessão ao trono Português, trono que aliás foi abolido em 5 de Outubro de 1910 ?

  1. Numa democracia não há banidos nem abolidos. Se os houve, corrige-se, ó autocrata. Se quer com essa frase dizer que o Sr. D. Duarte é descendente do Rei D. Miguel I, é-o pelo pai, mas pela mãe é do Rei D. Pedro IV, actualize-se, modernize-se e depois comente.

O que eu escrevi foi que os monárquicos tinham banido Miguel e descendentes da sucessão ao trono português., por ter perjurado a Carta Constitucional e dado início a uma sangrenta guerra civil. E os títulos nobiliárquicos foram abolidos pela República desde 1910. Logo é simplesmente o senhor Duarte Pio e é apenas um dos vários pretendentes ao trono de Portugal, um dos vários pretendentes conhecidos ao (abolido) título de Duque de Bragança e à chefia da extinta Casa de Bragança, cujos bens transitaram para a Fundação da Casa de Bragança. Estranho é que um deputado dum partido socialista, republicano e laico tome partido na chamada Causa Monárquica.

  1. Jorge Sm
      Portugal 
    "Sr. Duarte Pio", muito bem, Victor Nogueira. Os que o tratam por "Dom" ou "D." parecem esquecer que vivemos numa República.
  2. Caro D. Victor Nogueira, nada foi abolido e nada é eternamente abolido por isso essa tem que ser uma palavra cuidadosamente aplicada, é uma pura convenção circunstancial. A Catalunha não é estado desde sec XII, (Aragão não é Catalunha) foi abolido, extinto, apagado há mais de 700 anos e há 50% dos catalães que querem restaurar esse estado, bem ou mal, não importa. Há muitíssima gente em portugal que se está completamente nas tintas para esses abolições, exílios ou extinções que o Sr. acha que são e divinas, perpetuas. Há países em que isso não foi abolido/extinto/exilado e são bem mais desenvolvidos, justos e fraternos que o nosso país. Bem melhores "republicas". Não compare regimes de 1910 com regimes de 2018. A discussão deste artigo não é esta, mas há sempre que dizer mal não é?

  1. D. Geraldo treslê-me e traz à colação muitos algos que eu não escrevi. Mas discutir o senhor Duarte Pio não é de modo algum o mais importante face aos problemas que a Humanidade e o Planeta Azul têm de enfrentar e com que se preocupar. Termina D. Geraldo com "mas há sempre que dizer mal não é?", quando se fartou de tresler-me e tentar majestaticamente ... apoucar-me. Para mim, D. Geraldo, este assunto é por mim encerrado. Sem acrimónia minha.

OPINIÃO

Carta a D. Duarte Pio



O que deveria existir na Casa Real, perante o mundo de hoje, em pensamento e em ação?