domingo, 17 de setembro de 2017

Racismo e xenofobia

* Victor Nogueira

Bem, não entendi muito bem o post inicial [abaixo], mas de quem eu tenho verdadeiramente razões de queixa ao longo da vida não é nem de ciganos, nem de cabo-verdeanos, nem de paquistaneses ou negros ou brasileiros, que respeito e me respeitam, mas sim de brancos bem vestidos, bem lavados e bem perfumador, europeus e norte americanos incluindo os seus capatazes e homens e mulheres de mão que ao longo de séculos a todos nós nos têm lixado


COMENTÁRIO A

A propósito do tal candidato xenófobo e dos que aproveitando a boleia elegem os ciganos como saco de boxe... ora bora lá a isto! Então na praceta ao pé da minha vários andares foram alugados a malta que tem um tom de pele mais escuro que o meu. Brutos carros e quando se juntam todos trazem tachos, pratos e fogareiros para a rua e é um festival. Música, coladeras, mornas e etc... Enfim não é rock in rio mas é grátis! Na praceta de cima é brasileiros ui, ui! Segundo andar janelas abertas é sambar até morrer! Intercalar com gritos da porrada ou antes da violência doméstica. Há também num primeiro andar uma república de paquistaneses! Luz acesa dia e noite e parabólica. Janelas sempre abertas e de vez em quando escarradela no carro. Pronto é tipo o mesmo que fazem as gaivotas na 24 de Julho! Mas... Tenho reparado que o lixo fora dos contentores é mesmo os betos e betas branquinhos caucasianos! O carro estacionado à balda trancando o do vizinho são betinhos lindinhos; a cabra da vizinha que sacode os tapetes para cima da minha roupinha lavada é branquinha como a neve e católica praticante. E os sacanas dos putos que derreteram o parque infantil são filhos dos betinhos polidos e das betas unhas de gel. Enfim isto está tudo muito desorganizado desde esta treta da globalização! Que chatice não ter um bunker só para mim, numa ilha só para mim! Mas... e dizia mal de quem?

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

11 de setembro - efemérides

1942 - No Campo de Concentração do Tarrafal faleceu Bento Gonçalves, Secretário Geral do PCP
1973 - Golpe fascista de Pinochet apoiado pelos EUA, derrubando o Governo democraticamente eleito de Salvador Allende 
1974 (28) - O General Spínola apoiado pela direita tenta um golpe militar anti-comunista e anti-democrático contra o 25 de Abril
2001 - "Misterioso" atentado em Nova Iorque contra as Torres Gémeas que serviu de pretexto para intervenções militares e golpes anti-democráticos dos EUA no Médio Oriente
Simplesmente, ouvindo de novo Allende e relendo de novo Luís Sepúlveda Memorial dos Anos Felizes (2003) aqui (*) É clar...
OTEMPODASCEREJAS2.BLOGSPOT.COM

Uma "geringonça" em Lisboa? BE escancara a porta, os outros vão com calma


Victor Nogueira
  
O bloco surfando a Crista da onda em busca dos holofotes e no bico dos pés em Lisboa e não só ?, O Bloco que noutras autarquias não se cansa de atacar a CDU sem que proponha "alianças" em bloco com o PS ?

Assunção Cristas até gracejou por estarem já todos “prestes a entender-se com Fernando Medina”.
PUBLICO.PT

Três dias de luto e campanha suspensa no Porto

* Victor Nogueira

Independentemente de quaisquer outras considerações a Republica Portuguesa é um Estado Laico, não confessional, com liberdade de culto(s) e separação entre a(s) Igreja(s) e o Estado 

Portugal não é nem o Estado do Vaticano, nem Israel, nem um Estado Islâmico,  nem o anglicano Reino Unido ou a Monarquia absolutista do senhor D. João VI e D. Miguel ou parlamentar de D. Pedro IV a D. Manuel II, todos estes fidelíssimos da Santa Sé e de Roma.

Roçam a pura demagogia e oportunismo que a CM Porto tenha decretado 3 dias de luto municipal com suspensão da campanha eleitoral autárquica. Afinal o "independente" Rui Moreira depende da Igreja Católica e da mais pura demagogia na caça ao voto.Tal como os presurosos candidatos do PS, do PSD e do monárquico PPM do senhor Duarte Pio, descendente do banido e perjuro D. Miguel I, o absolutista inimigo da Monarquia Parlamentar e por isso e então banido da sucessão da Coroa tal como todos os seus descendentes..


O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, decretou três dias de luto pela morte do bispo do Porto, António Francisco dos Santos. Várias candidaturas suspenderam a campanha para os próximos dias.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

CDU - trabalho, honestidade e competência na gestão das autarquias



* Victor Nogueira

Ora, ora, e o Paulino do PS a querer multidões a frequentarem as praias da Arrábida, na senda da cimenteira incineradora do PS de Sócrates e Mata Cáceres e da desenfreada especulação imobiliária deste, sem esquecer um tal Mota Ramos que na mesma senda e no passado milénio defendia que a linha delimitadora da Reserva do Estuário do Sado poderia ser redefinida para permitir a construção – era só uma linha, argumentava ele – O mesmo Paulino do PS que pretende que se não fale da ruinosa e calamitosa gestão do PS Mata Cáceres porque isso é viver no passado e ele quer é o futuro, como se com Paulino e considerando o que debita houvesse garantias que com o PS Paulino o futuro não viesse a ser tão desconchavado como o do seu antecessor, que ficou conhecido como ”o Manuel do Alcatrão”

Ou a demagogia à volta das competências duma Câmara e do IMI ou da criação de empregos ou do problema da habitação ou da elevação do poder de compra debitadas pela maioria da “oposição” à gestão da CDU, como se aqueles não fossem consequência e determinadas pelas políticas do PS(d)CDS a nível governamental e da Assembleia da República, ou a deliciosa prestação daquela candidata do … como era … ? PTP ? que se esqueceu do que tinha escrito na cábula. Ou o “roraz”, essa moeda de curso local.

Ou a contradição insanável entre a proliferação de unidades industriais mesmo que não poluentes (na mesma senda dos casinos e hotéis e marinas de luxo na zona ribeirinha) e as mais valias únicas que são o PNA, a RNES e os rorazes.

Uma oposição de peso, sem esquecer aquele “partido” unipessoal que surge apenas nas campanhas eleitorais e que fora delas deve estar numa clandestinidade tão profunda e secreta que ninguém dá pela sua existência e “lutas”.

Mas de todo o debate em que uns candidatos tiveram mais tempo de antena que outros, penso que a questão do valor da dívida consequência da herança do PS Mata Cáceres deveria ser cabalmente esclarecida. Qual é o número certo? O do Paulino do PS ou o da candidata da CDU ?

É que o PS e a CDU/APU têm obra feita em Setúbal durante 40 anos. Que obra resultou da gestão autárquica de cada uma destas forças políticas em benefício de Setúbal e das suas populações, para que o Concelho tivesse centralidade, autonomia e vida próprias e não se tornasse um mero dormitório de Lisboa?

É que vir a transformar-se num dormitório parece ser o que resultaria das preocupações “economicistas” de certa “oposição” muito preocupada com as ligações rápidas com a capital de Portugal e com a criação de empregos a qualquer custo, mesmo que em prejuízo das preciosas e ainda protegidas belezas naturais do Estuário do Sado e da Serra da Arrábida, sem esquecer a Várzea dos laranjais de Setúbal que durante anos foi irreversivelmente destruída pela especulação imobiliária e pela política do alcatrão.

Por isso o candidato do PS não quer que se fale do passado e que o recordemos não vá desmitificar-se o futuro de leite e mel que propõe. Como certa oposição que de facto lhe estende a mão e a passadeira e pretende abrir-lhe caminho em detrimento da CDU.

A grande preocupação é a obra feita e a que se propões fazer a CDU com trabalho, honestidade, competência, sem demagogias e com respeito pelos munícipes que deve ser valorizada e defendida. Este é a meu ver o verdadeiro nó das "preocupações" da "oposição" à gestão participada e envolvendo os munícipes, nas autarquias e pela CDU, seja em Setúbal, seja em qualquer outra autarquia do País.

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

ditaduras

coisas que me chateiam
o pcp, que tanto combateu contra a ditadura fascista. e sofreram tanto. torturados.defender uma ditadura.

Victor Barroso Nogueira ó Pina, francamente, mas que raio de argumentação dum "revolucionário" "blasé" que vive numa democracia burguesa numa comunidade europeia dirigida não de acordo com os interesses das amplas massas proletárias ou proletarizadas e em seu benefício mas em benefício das transnacionais, que controlam os meios de comunicação social, formatam o pensamento e condicionam a consciência social. Ó Pina, desculpa lá o jargão, mas és mesmo um "idealista" com os pés virados para a Lua. LOL

EM TEMPO - Preocupa-me deveras é quem defende a ditadura, rectifico, a democracia burguesa 

***

Ricardo Jorge Mateus Pina claro que o comunismo é anti-democrata. a questão é saber o que é a democracia. na grécia antiga não era muito simpática. mais : poder do povo? a questão tb. é definir o que é o povo. os comunistas falam de proletários . e com razão.

Responder17 min
Victor Barroso Nogueira Ricardo Jorge Mateus Pina A democracia na Grécia era apenas exercida pelos escravocratas e negada à legião de escravos, às mulheres e aos estrangeiros. Mas afirmarem que os ideias comunistas são antidemocráticos é obra LOL

ªªª
Ricardo Jorge Mateus Pina bom. os comunistas venceram o fascismo. o que foi uma grande alegria para os povos. agora que não devem defender ditaduras. não devem.

Responder
2
1 h
Gerir
Victor Barroso Nogueira Ó Pina, tu até és um intelectual e como filósofo e comunista que dizes ser até deves conhecer o bè~a~bá do materialismo histórico e do materialismo dialéctico com mais profundidade do que eu e deves ter estudado mais calhamaços do que eu que sou um pragmático. e no liceu da filosofia apenas gramava a lógica e a teoria do conhecimento

Os comunistas venceram o nazi-fascismo apenas porque o capital não os conseguiu liquidar Mas ainda as armas estavam quentes e já os EUA cometendo um crime contra a Humanidade lançavam as duas únicas bombas nucleares sobre um Japão derrotado, para atemorizar a URSS e utilizando os japoneses como cobaias científicas. Friso, foi um crime contra a Humanidade que deveria ter sido também julgado em Nuremberga conjuntamente com o extermínio dos Ameríndios.

Dizem por aí que o socialismo e o comunismo morreram e falharam, mas afinal a França, os EUA, o Reino Unido, Israel violam impunemente os mais elementares e básicos direitos da humanidade e não desmantelaram os arsenais nucleares antes continuam a corrida aos armamentos e para o abismo e, não dissolvendo a NATO, tentam transformar o Mundo num imenso Atlântico Norte, “democraticamente” policiado pelo cristianíssimo “fardo do Homem Branco”


O que chateia deveras é o primarismo das intervenções nas caixas de comentários do inFaceLock, que nos policia, e na imprensa on-line, que não põe em causa os interesses do patronato e onde abundam as patranhas. O que chateia deveras, Ricardo, é que sendo tu comunista, estudioso e revolucionário, como dizes, te fiques pelo primarismo, alimentando o preconceito e nada faças para de facto esclareceres e para elevares o nível de consciência social de quem te lê.

O que é a ditadura? O que é a democracia? É democrática a União Europeia ? São democráticos os países cuja modo de produção, a formação económica e social, é capitalista, qualquer que seja a forma de Estado e de Governo que assumam ?

As Revoluções burguesas que permitiram a acumulação e o desenvolvimento capitalistas foram sangrentas, genocidas, rapaces. Natural e compreensivelmente do ponto de vista do um por cento que verdadeiramente mexe os cordelinhos e manipula as consciências, há que impedir que os oprimidos tomem consciência da sua força e pô-los a defenderem a canga que trazem ao pescoço.

A revolução não se faz na internet mas na rua e com os pés na lama. O que me preocupa é os partidos comunistas com o Estado Social se terem social-democratizado, ao fazerem a cogestão do capitalismo no parlamento, nas autarquias e nos sindicatos, interiorizando não poucos dos seus militantes as formas de pensamento e de actuação que deveriam questionar e combater.





A Alfredo Poeiras Quanto à questão da ditadura, nada posso dizer porque nada sei acerca da Coreia do Norte. Visto daqui, com os óculos da propaganda de guerra, parece bizarro, mas será mais bizarro que a UE? Não sei, e creio que tu também não: tem um parlamento? Como o é eleito? Quem pode exercer cargos políticos? Não sei e, repito, creio que tu também não. Isso leva-me a outra questão. Diz-se em direito que para escapar a uma condenação num tribunal com júri, basta provocar uma dúvida razoável. É o papel que cumprem postas como estas, fazes o trabalho da propaganda de guerra euro-americana. Ajudas a criar a ideia de que os americanos e os europeus podem não ter o direito de atacar outros países, mas o Kim é louco e aquilo é uma ditadura. Portanto, podes torcer-te um bocado mas aceitas a intervenção americana: afinal, o gajo está mesmo a pedi-las. Conclusão, tu achas mesmo que o Kim é louco? É, em vez de papagueares merda lidas por aí, não era boa ideia informares-te melhor? Por exemplo, a guerra da Coreia alguma vez acabou? Comem cozido à portuguesa? Ou só dão os parentes a comer aos cães e são todos obrigados a usar o mesmo corte de cabelo?